O Bondage by LadyRed

Atualizado: Set 1

A palavra Bondage deriva do termo em francês e inglês e seu significado poderia ser traduzido ao português com escravidão ou cativeiro. No ambiente BDSM, aonde a B do acrônimo pertence a Bondage, poderia ser definido como o conjunto de técnicas de imobilização com fim artístico o sexual.


A primeira pergunta que normalmente me fazem os iniciantes nesta pratica e de si es saudável o não esta técnica, pois a maioria deles tem visto fotografias e videos donde aparecem pessoas fortemente amarradas, as vezes com a boca fechada também e outras vezes penduradas em suportes especiais.


Logicamente existem vários tipos de Bondage, do mais extremo ao mais light e como todas as praticas de BDSM, nada pode ser feito sem a anuência previa do sujeito passivo e sempre deverá ser feito privilegiando a sua segurança. Muitas das fotos e videos que circulam pela internet são de praticantes experientes que permitem realizar umas imobilizações mais agressivas pois já conhecem e praticam o Bondage por muito tempo, mais para os iniciantes o começo e mais light e realmente pode ser uma experiencia excitante e prazerosa.

Ao contrario do que muita gente pode pesar, no é obrigatório realizar uma imobilização total de todo o corpo nem se pendurar para poder realizar esta pratica e também não é preciso que a amarração tenha que ser realizada obrigatoriamente ou exclusivamente com cordas, podem ser usados muitos outros elementos como, gravatas, fitas, lenços, mordaças, correntes, algemas, etc. E importante distinguir aqui a técnica oriental chamada Shibari, essa sim realizada exclusivamente com cordas de fibra natural e que tem seu origem nos castigos aos prisioneiros de guerra ou detentos o Hojōjutsu.


E também importante salientar que a pratica desta técnica não implica obrigatoriamente alguma intervenção para a estimulação genital direta do sujeito passivo já que a excitação sexual vem da sensação física que provoca a imobilização, o contato com os materiais de amarração e da sensação de tranquilidade que invade ao praticante devido a inibição do control de seu corpo ao que se agrega o estado de dominação ao que esta submetido.


Para realizar as praticas de Bondage é necessário que o sujeito passivo realize inicialmente uma reflexão pessoal para analisar se realmente quer participar de uma sessão, conhecer seus limites psicológicos e ter informações suficientes das praticas nas que gostaria participar assim com ter confiança na pessoa o pessoas que vão colocar ele numa situação de desamparo e de privação sensorial, ainda que temporal. Como em outras praticas de BDSM, o resguardo e a segurança da saúde física e psicológica pessoal do sujeito passivo e considerada primordial.


Por minhas experiencias no Bondage posso indicar porque muitas pessoas sentem prazer ao realizar estas práticas que tem muito a ver com muitos elementos, as sensações psicológicas da falta de domínio sobre o próprio corpo, sensações físicas como sentir as cordas, fitas o outros elementos de amarração se enrolando no corpo, sentir o som delas, a suas texturas e sua opressão física são potentes estimulantes geradores de adrenalina e de prazer. Muitos praticantes se entregam ao Bondage como uma forma de entrega da suas decisões a terceiros de confiança para que eles possam decidir por eles e assim senti-se liberados das suas responsabilidades diaras o que lhes permite ter uma agradável sensação de liberdade y de entrega muito excitante.


LadyRed

®fetichebr.com Todos os direitos reservados.

86 visualizações

Você pode falar comigo agora

Tel. Wpp.  + 55 61 98241 6389
ENVIE UM EMAIL OU LIGUE SE TIVER DÚVIDAS
 
OBSERVAÇÃO
Para preservar a confidencialidade de seus clientes Lady Red jamais iniciará uma conversação nem entrará em contato oferecendo serviços ou promoções, limitando-se a responder as mensagens enviadas por eles quando foram realizadas.
  • Twitter - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
contato@ladyred.com.br
BRASÍLIA DF  -  BRASIL

2020 FETICHEBR.COM  TODOS OS DIREITOS RESERVADOS